Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
Página Inicial / Notícias
clipe-oficial-hino-jmj-2013
 
 
 


Carreata nas ruas de SP marca um mês para a JMJ

Percurso nas principais vias da capital foi ao som de muita música e buzina

Edcarlos Bispo de Santana – Jornal O São Paulo
25/06/2013

Carreata marca 1 mês para JMJ. (Fotos: Luciney Martins)

A movimentação de carros na praça Heróis da FEB chamou a atenção de todos que passavam pelo local na zona norte da capital. Além dos automóveis, a presença de bandeiras da JMJ, de pessoas com camisas da Jornada, de grupos de jovens ou de paróquias, e o carro de som foi algo que mudou o cenário da praça neste domingo, 23.

O local é o mesmo onde, daqui a cerca de 26 dias, acontecerá o encerramento da Semana Missionária da Arquidiocese de São Paulo. A carreata realizada neste fim de semana aconteceu simultaneamente em outras dioceses do Brasil e serviu para marcar os 30 dias que faltam para o início da JMJ. Em São Paulo, o evento reuniu uma centena de carros de toda a Arquidiocese, além da Diocese de Santo André.

A equipe do O SÃO PAULO foi acompanhando um casal da Paróquia Natividade do Senhor, da Região Episcopal Santana, durante o percurso da carreata.  Juliana Leal e Edson Araujo contaram como está a preparação e a emoção para este momento.

De acordo com o casal, a paróquia não levará muitos jovens, porém os poucos que irão se esforçaram muito e “fizeram por merecer a participação”. Juliana conta que uma das jovens, por exemplo, desistiu de sua festa de 15 anos para poder guardar o dinheiro e ir para o Rio de Janeiro em julho.

Durante todo o percurso, que percorreu as principais vias e locais da cidade – avenida Tiradentes, avenida 23 de Maio, parque do Ibirapuera, Monumento aos Heróis de 32, avenida Paulista, avenida Doutor Arnaldo e Estacionamento do Pacaembu, as pessoas que passavam de carro buzinavam e pediam bandeirinhas para colocarem em seus veículos, muitos que estavam parados nas calçadas. Quando os carros paravam nos faróis, iam se informar e levavam bandeirinhas para casa.

Para o Grupo de Jovens Conquistados por Cristo (Concri), o que não faltou foi animação. Ao chegar ao Pacaembu, mesmo com um fim de tarde frio, os jovens não paravam de cantar e pular. Eles explicaram que trabalharam o ano inteiro para poder enviar um grupo de 18 pessoas para o Rio de Janeiro.

Frei Reginaldo de Abreu Araújo da Silva (OSA), que acompanhava os jovens na carreata, acrescentou que no sábado, 29, haverá a última festa realizada pelo grupo, que pertence à Paróquia Santa Rita de Cássia, Região Episcopal Santana. Já para os jovens, a emoção e a expectativa para se encontrar com jovens do mundo inteiro não têm explicação.

A jovem Marcele Alves veio da Diocese de Santo André destacou que será “uma coisa única na vida”. Marcele disse que sonha com o momento que estará no Rio de Janeiro e que, muitas vezes, antes de dormir, fica pensando na emoção que será estar na JMJ com mais jovens do mundo inteiro.

Quando a carreata chegou ao estacionamento do Estádio do Pacaembu, os participantes receberam a bênção do bispo auxiliar da Arquidiocese e vigário da Região Brasilândia, dom Milton Kenan Junior. O Bispo saudou os presentes em nome do cardeal dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo metropolitano, dos bispos auxiliares e de dom José Nelson Westrupp, bispo de Santo André.

Dom Milton destacou que a Jornada é um momento de “dizermos ao mundo, que hoje anseia por justiça, solidariedade e segurança, que a fé é capaz de transformá-lo”. Para o bispo, a fé une as pessoas e torna todos “membros da mesma família e do mesmo povo”.


Veja mais fotos da Carreata:

 
Fonte: Flickr da Arquidiocese de São Paulo / Fotos por Luciney Martins

 

 

 


 
Página Inicial