Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
Página Inicial / Pré-JMJ / O que é "Semana Missionária"?
clipe-oficial-hino-jmj-2013
 
 
 




Os dias anteriores à Jornada Mundial da Juventude oferecem aos jovens vindos de fora do Brasil a possibilidade de passar um tempo de convivência com outros jovens brasileiros, em preparação à JMJ. São os até então conhecidos "Dias nas Dioceses" ou, simplesmente, "pré-Jornadas".

No Brasil, o Pontifício Conselho para os Leigos (organismo do Vaticano responsável pela realização da JMJ) acolheu a sugestão da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para que esses dias que antecedem à JMJ recebam o nome de "Semana Missionária".

As Pré-Jornadas começaram em 1997. Por causa da JMJ de Paris, a Igreja na França promoveu esses encontros como um modo de facilitar a pastoral juvenil das dioceses francesas, de conseguir que a França inteira acolhesse aos peregrinos os peregrinos vindos de outros países e de animar os jovens a participar da JMJ.

A experiência foi tão boa que foi adotada também nas JMJs seguintes da Itália, Canadá, Alemanha, Austrália e Espanha. Nesses países, as Pré-Jornadas incluíram atividades muito diversas: encontros com jovens e as famílias, concertos, vigílias de oração, trabalhos sociais para a comunidade ou os mais desfavorecidos, etc.

A programação da "Semana Missionária" varia de diocese a diocese e integra atividades culturais, visitas históricas e momentos de festa, bem como tempos de oração e celebração nos santuários e locais de peregrinação que formam parte da identidade religiosa local.

Os objetivos da "Semana Missionária" são muito parecidos com os da JMJ:

1 – Um encontro pessoal com Cristo que muda a vida e enche-a de alegria, especialmente nos sacramentos da Eucaristia e da Reconciliação;

2 – Experiência vital da universalidade da Igreja católica como comunhão e da paternidade espiritual do Papa;

3 – Redescobrimento da vocação batismal à santidade, chamados a ser membros ativos da Igreja, responsáveis pela nova evangelização do mundo contemporâneo;

De acordo com esses objetivos, a programação de atividades integra distintos tipos de eventos que promovem:

- A oração: que os jovens tenham a oportunidade de participar da Eucaristia e de dedicar tempo à oração pessoal;

- A solidariedade: que pratiquem sua generosidade com os necessitados e sua responsabilidade social, dedicando algumas horas a ajudar em algum trabalho da Igreja com os necessitados, ou a contribuir com a solução de algum problema social, de acordo com as autoridades locais;

- A cultura: que conheçam as raízes cristãs de tantas manifestações da cultura espanhola ("a fé feita cultura", nas palavras de João Paulo II), e que produzem em seu conhecimento da fé através de tantas manifestações das artes cristãs: ver como as gerações precedentes de cristãos evangelizaram pela arte.

 
Página Inicial